São Luís (MA) -Domingo 19 de Novembro de 2017

INSTITUCIONAL

Utilidade Pública

Comunicação

Turismo em Foco

ABIH Maranhão participa de audiência pública na Câmara Municipal sobre turismo

Imprimir PDF

audienciaAconteceu no último dia 19 uma audiência pública na Câmara Municipal de São Luís para tratar sobre questões referentes ao turismo em São Luís. Proposta pelo vereador Marquinhos (PRB) a audiência debateu a carga tributária na rede hoteleira, pharm queda no turismo na cidade, viagra sale e sobretudo as dificuldades do desenvolvimento da indústria turística de São Luís.

Para o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Maranhão – ABIH Maranhão e presidente do Conselho Municipal de Turismo, João Antônio Barros Filho, “o setor turístico de São Luís passar por o pior momento nos últimos dez anos e isso se deve, sobretudo às questões de segurança, e infraestrutura da cidade.” Segundos dados da ABIH a taxa de ocupação da rede hoteleira da capital ficará abaixo dos 40%, um número bem distante dos 75% de ocupação apresentado em 2012. “Essa queda na vinda de turistas para São Luís e consequentemente o esvaziamento dos hotéis de nossa cidade para este ano é fruto da falta de segurança divulgada nacionalmente, o que levou ao cancelamento de várias reservas para o período de carnaval.”, pontou João Antônio.

Outro problema debatido na audiência é a forma como o turista é tratado nos bares, restaurantes, lojas de artesanatos e outros segmentos onde viram meros objetos de exploração o que dificulta efetivamente a vocação da cidade para transformar o turismo em uma indústria geradora de emprego, renda e desenvolvimento.

Ponto Negativo
Mais uma vez convidadas a participar de um momento importante para o desenvolvimento da indústria turística de São Luís as autoridades máximas maranhenses do setor, o ministro do Turismo, Gastão Vieira, e o presidente da EMBRATUR, Flávio Dino, não se fizeram presentes a audiência frustrando um pouco a expectativa dos presentes. “Lamentamos a não participação do Ministro do Turismo e do presidente da EMBRATUR neste debate, já que estes teriam muito a colaborar conosco nesse sentido. Isso reflete como as nossas autoridades tratam este setor que em outros estados e países é supervalorizado e fonte geradora de emprego e renda.”, lamentou o presidente da ABIH Maranhão.